Muito Mistério e Ação em Super 8

A primeira vez que eu vi o trailer de “Super 8”, duas coisas imediatamente me chamaram a atenção: a temática de mistério envolvendo os personagens e claro, o nome de Steven Spielberg na tela. Acredito que não há ninguém ou poucos que gostem de cinema que não respeitem o produtor desta película.

Logo depois também fiquei sabendo que J.J. Abrams, da série “Lost”, é o escritor e diretor. Pronto! Já fiquei morrendo de vontade de assistir. Além disso, as poucas cenas de ação que são apresentadas no trailer, deixam qualquer marmanjo babando.

Se você curte filmes charmosos e com um toque de clássico, com certeza vai se identificar com este filme.

O filme se passa em 1979, na charmosa e bonita cidade de Lilliam, em Ohio. O engraçado é que eu pesquisei, e a cidade não existe ou pelo menos não existe mais. Acho que é mais um easter egg para os fãs fervorosos ficarem criando teorias e bancando o detetive.

A trama, como pode ser vista pelas pistas do trailer e algumas fotos, nos traz um mistério envolvendo jovens crianças que acabam filmando com sua câmera formato Super 8 um grande desastre perto da linha do trem.

E é exatamente por isso que o nome do filme é Super 8, este formato, o Super 8 mm, foi lançado pela Kodak em 1965 e tornou as criações de videos caseiros muito mais populares do que antigamente, popularizando este costume de pegar a câmera e fazer o seu video amador.

Sobre os personagens mirins, nossa! Que incrível, a equipe encontrou crianças incrivelmente talentosas. Confesso que esquecia que estava vendo um filme e não um documentário. É tudo tão humano, tão real, que realmente nos convence. Tem um pouco de tudo: ciúmes, inveja, amizade, amor, medo, gente sem noção, pancadaria, explosões, zumbis, piadas, suspense. Muito legal.

A trilha sonora além de muito boa, contém músicas divertidas e antigas para nos sentirmos imersos na época do filme. Agora, preciso comentar sobre os efeitos sonoros e os efeitos especiais. Simplesmente demais! É um destes filmes que vale muito a pena ver no cinema, porque é muito emocionante quando temos uma nova explosão, carros amassados, vagões de trem voando e etc. Eu ficava com a perna bamba e boquiaberto de tanta perfeição. rs

Porque ver?

É um suspense com temática ficção cientifica meticulosamente criado para que você se envolva com os personagens aos poucos. Você vai confiando neles, se preocupando com eles e torçendo para que tenham um final feliz. A trama é bem feita e se desenvolve gradativamente com o filme.

O ator principal, Joel Courtney, dá um show de interpretação e ganhou muito destaque. O ator mirim se deu tão bem que já está em dois novos projetos: uma adaptação do clássico de Mark Twain “Tom Sawyer & Huckleberry Finn” que está em filmagem e um outro filme chamado  “The Healer”, ainda em produção.

Eu, particulamente, gostaria de ver de novo. Fiz algumas pesquisas e o filme tem muitas homenagens de outros filmes de Spilberg. Com exceção de Jurassic Park, que eu perecebi, eu não tinha visto mais nenhuma. Li em alguns sites que “E.T.”, “Contatos Imediatos” e até “Os Gonnies” também são homenageados.

E é isso, com certeza o filme vai dar o que falar neste temporada. É um destes filmes que entretem sem nenhum esforço e nos deixa com os olhos vidrados até que os créditos começem a subir na tela. Ah, não deixe de ver o curta metragem dos garotos quando o filme acaba, rende muitas risadas. Bom filme!

Anúncios
Post seguinte
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: