Rock in Rio: 23 de Setembro Parte Final

Após o meu êxtase de ver a minha cantora pop favorita, tive o prazer de ver de perto um dos ícones da música. Sir Elton John chegou humilde com seu piano e sua banda para cantar muitas músicas mais lentas e calmas do que vimos até agora. Serei sincero, não sou fã do Elton, então desconheço as músicas dele. O engraçado é que as duas únicas que eu conheço, ele não cantou.

O show dele é muito bonito visualmente, com muitas imagens no telão. Imagens de fumaça que mudam de cor, imagens retro, homens dançando, pin-up girls e muito mais.  Tenho quase certeza que em uma das músicas finais aparece a Pamela Anderson ou uma destas loiras gostosonas praticamente nua dançando sensualmente. Fiquei imaginando as donas de casa que queriam ver o show dele. Será que ficaram chocadas? rs

Como já estava de pé desde o inicio do festival, infelizmente não aguentei continuar durante todo o show dele e acabei me sentando na metade. Além disso as músicas mais lentas dele  me deixaram relaxado e o sono já vinha me atormentar. O show do inglês não é feito para se dançar e pular, mas sim curtir. Sua voz agradável e bela nos convida a fechar os olhos em alguns momentos e simplesmente curtir a música.

Bom, após tocar vários sucessos (como ouvi algumas fãs falando perto de mim) ele se despediu como um cavalheiro e deixou o palco para mais um dos grandes nomes da noite: Rihanna. E assim começou a espera.

E que espera! Parecia não acabar nunca, quando se está no meio da multidão, se perde um pouco a noção do tempo e para piorar meu celular desligou sem bateria. Me falaram que esse intervalo durou quase uma hora. Vamos pular a parte chata que o pessoal vaiava Rihanna pelo atraso e a equipe do Rock in Rio colocava, inutilmente, músicas para nos acalmar.

Quando Rihanna entrou no palco, ela o dominou completamente. Confesso que achava que ela seria muito mais calma e pacata. Mas ela parecia estar muito agitada e cantou seus maiores sucessos.

Os pontos fracos para mim foram: a falta de produção que eu sei que ela é capaz de ter. Não houve trocas de roupas, nada! Nem uma blusa por cima do modelito ou um acessório que fosse. Até aí tudo bem, mas quase nada de coreografia, apenas as dancinhas sensuais, as caras, poses e muita atitude rock.

As músicas dela estavam todas mais rock n’roll que eu achei bem legal, com muitas guitarras e os carões dela para nos fazer rir e cantar junto. Aliás, cantar foi que nós mais fizemos no show dela, em algumas canções ela quase não cantou o refrão. Ela apontava o microfone para a multidão cantar. Descontente com nossa performance, ela gritava: – Loudeerrrr!!!! (mais alto!) rs

A interação com o público foi nula também, nem chegou muito perto. Nada de fã interagindo no palco ou algo do tipo. Foi realmente um show onde mostrou que sabe cantar ao vivo mas sei lá, eu esperava mais. Longe de mim criticar, porque eu me diverti muito no show dela mas imaginei que com tanta experiência de carreira, ela seria mais poderosa no palco.

Fica registrado aqui o primeiro dia do Rock in Rio! Se tiverem oportunidade de ir ano que vem, eu recomendo de olhos fechados.

Melhor festival de música que já fui!~

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: